17/12/2017

RESENHA #99 - ”32 CARTAS”(LITERATURA NACIONAL) - AGUINALDO TADEU

LIVRO: ”32 CARTAS”(LITERATURA NACIONAL)
AUTOR: AGUINALDO TADEU
EDITORA:  7 LETRAS
PÁGINAS –130
1ª  EDIÇÃO 2017
CATEGORIA: FICÇÃO NACIONAL
ASSUNTO: CONTO BRASILEIRO
ISBN: - 978-85-421-0578-0

32 cartas

CITAÇÃO: “-Realmente, meu senhor, acredito que só mesmo as grandes revoluções poderão tirar capitalistas mesquinhos como o senhor de cima de suas propriedades.” (pág. 23)

ANÁLISE TÉCNICA:

-CAPA-

Tronco de árvore com folhas caísas.
A capa é simples, porém cheia de significados.
Imagem da capa: Eduardo Süssekind.

NOTA: 4,00 de 5,00

-DIAGRAMAÇÃO:

As folhas são amareladas com letras um pouco abaixo da média.
Conteúdo: sumário; dedicatória; pensamento; e, 25 contos com títulos.
É uma diagramação simples, porém eficaz.
Coordenação editorial: Isadora Travassos.
Produção editorial: Ana Cecília Menescal, Rodrigo Fontoura e Victoria Rabello.

NOTA: 4,00 de 5,00


- ESCRITA:

Os contos são escritos alguns em primeira pessoa e outros em terceira pessoa, porém todos tem uma linguagem acessível, de fácil entendimento, uns de forma poética, outros com pensamentos populares, entretanto, o que todos tem em comum é a forma fantástica de se contar uma história.
Revisão: Julia Roveri.

NOTA: 5,00 de 5,00.

CITAÇÃO: “-Ele não perdoou, cara, virou pra mim e disse: o que você está fazendo parado?  Descansando? Fique esperto, rapaz, pois jacaré que fica parado, vira sacola de madame!”. (pág. 52)


SINOPSE:

“Apresentando um texto leve e de extrema fluência, flertando às vezes com um tom mais poético e revelando um olhar arguto sobre as cenas, enredos e personagens que conduzem suas narrativas, Aguinaldo Tadeu é acima de tudo um exímio contador de histórias. A dança num baile da juventude; o violonista forasteiro que conquista corações e mentes; um beijo roubado no cinema; os desafios do rei num jogo de xadrez; um menino que gosta de reescrever o final das histórias que lê – é grande a variedade de temas e situações aqui tratados, sempre de maneira cativante e criativa.”

CITAÇÃO: “-Julinho, aprenda uma coisa com a sua velha vovó que já está no fim. As coisas mais simples da vida são as mais importantes. Viva na simplicidade e será uma pessoa equilibrada, sábia e feliz.” (pág. 60)


RESUMO SINÓPTICO:

O livro traz 25 contos de assuntos variados, todos provenientes do conto que dá nome ao livro “32cartas” que por sinal é um dos melhores, ao lado do conto “Mandarim, Jacaré e outros dilemas” e “A mulher que caminhava”. Todos os contos são bons, mas esses foram meus preferidos, por trazerem histórias que nos faz pensar sobre como agirmos e repensar nossos comportamentos diante das situações.


CITAÇÃO: “A fofoca é uma arte que não exige grandes investimentos financeiros, de deslocamento ou de espaço. Todo local é um “fofocódromo” em potencial, seja uma pracinha, uma esquina, um botequim, um açougue, uma igreja ou até mesmo um velório. [...]” (pág. 106)


ANÁLISE CRÍTICA E DO AUTOR:

Os assuntos dos contos são variados, falam de amor, amizade, trabalho, política, ambição, ganância, religião, animais e outros tantos temas afluentes.
A realidade é que o autor demonstra seu conhecimento e experiência de vida e transcreve para as páginas do livro, sentimentos intrínsecos ao ser humano, coisas imperceptíveis no dia a dia que deixamos passar sem perceber e ao lermos, temos aquela total identificação e até a surpresa do inusitado em pensar: como nunca pensei nisso?
É uma leitura para ser deliciada a cada nova história bem contada e ao término de cada conto, parar e pensar, refletir o que e qual significado o autor quis transmitir com suas ‘fábulas’.
Claro que não temos de concordar ou aceitar aas palavras ditas, ou até mesmo, alguns finais inesperados, todavia, devemos respeitar o conhecimento, a pesquisa  e a expriência demonstrada pelo autor.
E por tudo isso, só posso recomendar o livro, não apenas para os apreciadores de histórias e contos, como eu, mas para todos que gostam de um livro bem escrito e enriquecedor.


NOTA : 4,50 de 5,00



SOBRE O AUTOR:

Resultado de imagem para Foto do escritor Aguinaldo Tadeu


Aguinaldo Tadeu nasceu em Belo Horizonte e já morou em Conselheiro Lafaiete, Congonhas, Carmópolis de Minas, Teresina, São Luís do Maranhão e, atualmente, anda meio perdido pelas tesourinhas de Brasília. É autor dos livros de poesias: De mineiro e louco, com mais um pouco (2006) e Enquanto eles jogam bombas (2009). Pela editora Giostri, é autor do livro de contos O dono do rádio (2011), vencedor da Bolsa de Criação Literária da Funarte, do romance Desafinados no coro dos contentes (2014) e do livro infantil A voz dourada das cidades (2017). Tem crônicas e poesias publicadas em jornais, revistas e antologias. Gosta de livro, música, futebol, xadrez e viagens, tanto de olhos abertos quanto fechados. Gosta da poesia dos passarinhos, do encanto das flores e da maluquice dos loucos de todo o gênero que encontra pelas ruas. Gosta de contar e ouvir casos, os reais e os imaginários, tomando café de rapadura à beira de um fogão à lenha. Acredita nas coisas mais simples da vida. Vive com a cabeça nas nuvens.

Exemplar cedido pela Oasys Cultural.

A imagem pode conter: texto

CHEIRINHOS
RUDY



16 comentários:

  1. Ola Rudy!!
    Não curtia muito conto, mas já mudei de ideia e comecei a gostar. esses contos me parece ser bem gostoso de ler, principalmente por ser de assuntos variados, gostaria de ter o oportunidade de ler e conferir todos os contos!!

    ResponderExcluir
  2. Gosto bastante de contos, e esse parece ser bem escrito e interessante, ainda mais com tantos assuntos variados.
    Fiquei com vontade conferir!
    bjsss

    ResponderExcluir
  3. Gosto de contos. E esses parecem ser bem 'construídos', por causa dos diversos assuntos!

    ResponderExcluir
  4. Oi Rudynalva, :)
    Não conhecia o autor e nem o livro, mas que bom saber que tu teve uma boa leitura. Nada como pegarmos um bom livro, não é mesmo?

    Att.,
    Eduarda Henker
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
  5. Já tinha ouvido desse autor, Rudy. E parabéns pela resenha e por nos apresentar literatura nacional de qualidade.

    ResponderExcluir
  6. Achei a capa linda, adoro contos, e a resenha me conquistou, acho que desse mês dos livros que apareceram no blog, esse é o que mais quero ler.

    ResponderExcluir
  7. Olá Rudy!
    Gostei da capa do livro, tem uma premissa boa nos contos. Me pareceu um livro que haverá muitas reflexões sobre tudo e isso é muito lindo.

    Meu Blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  8. Gosto bastante de livro reflexivo. Nós ajuda e ensina como agir em determinadas situações.

    ResponderExcluir
  9. Oi, gente, obrigado pelas palavras de carinho e incentivo!

    Quem quiser conhecer um pouco mais de meu trabalho ou adquirir meus livros, acesse: https://www.facebook.com/aguinaldotadeuescritor/
    http://aguinaldotadeu.blogspot.com.br/

    O livro também pode ser adquirido na página da editora: http://www.7letras.com.br/32-cartas.html

    Beijos e boas leituras!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aguinaldo!
      Obrigada por sua presença no blog, nem imaginava que viria.
      Viu aí seu sucesso?
      Bom final de semana.
      cheirinhos
      Rudy

      Excluir
  10. Oi Rudy!
    Primeiro de tudo eu amei essa capa, achei muito bonita!
    Segundo adorei os temas tão relevantes serem abordados pelo livro. Com certeza não temos que concordar totalmente com tudo mas o importante é a reflexão que o livro nos causa.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Catarina!
      É verdade, temos de filosofar e pensar vez por outra.
      Bom final de semana!
      cheirinhos
      Rudy

      Excluir
  11. Eu gosto muito de contos. Realmente não vejo necessidade em aceitar tudo o que está escrito. O importante é que a escrita mexa com a gente de alguma forma, nos fazendo refletir e ficar em movimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Evandro!
      Penso assim também.
      GRATIDÃO!
      Semaninha e amor!
      cheirinhos
      Rudy

      Excluir
  12. Oi Rudy, tudo bem com você?
    Eu não conhecia o livro, mas gostei do que li no seu texto.
    Parabéns pela resenha!
    Bjkas

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol!
      Obrigada.
      Bom domingo!
      cheirinhos
      Rudy

      Excluir

Adoro ler seus comentários, portanto falem o que pensam sem ofensas e assim que puder, retribuirei a visita e/ou responderei aqui seu comentário.
Obrigada!!
cheirinhos
Rudy