06/03/2019

RESENHA #14 - “SIXTIES” (LITERATURA NACIONAL) - JACKMICHEL


LIVRO: “SIXTIES” (LITERATURA NACIONAL)
AUTOR(es): JACKMICHEL
EDITORA: HELVETIA
 PÁGINAS – 88
  EDIÇÃO 2017
CATEGORIA: POEMAS BRASILEIROS
ASSUNTO: POESIAS
ISBN: - 978-85-69852-32-2

Resultado de imagem para EDIÇÕES HELVETIA

CITAÇÃO:

“Procure tua verdade na escuridão da claridade
Das coisas mais simples que te cercam...” (pág. 28 – FACES WHISKEY-BLUES)

“A TARDE É AZUL
Vi dentro do azul
Do meu azul,
A tarde azul;

No transparente nu
Do teu corpo
Desnu...

Como o colchão
De água
De nossa cama
De mar!

Vamos, baby...
Vem namorar,
Amar comigo,
Sob o azul
Da tarde azul!...

Ouvindo os deuses
Da guitarra
A tocar...
Ouvindo o som
Dos nossos beijos
Disparar...
Ouvindo o pulsar
Dos nossos corações
Apressados em amar...” (pág. 41)

ANÁLISE TÉCNICA:

-CAPA-

Sol com raios coloridos e várias fotografias dos anos 60 como: Elvis Presley, Route 66, The Beatles, Presidente Kennedy, Needis Love, Mike Jagger, Marilyn Moroe, Peace, máquina fotográfica, dico de vinil e outros.
É uma capa belíssima e representa o conteúdo do livro.
Feita por Filipe Figueiredo da Guia.

NOTA: 5,00 DE 5,00

-DIAGRAMAÇÃO:

Nenhuma descrição de foto disponível.

Folhas brancas com letras pretas um pouco acima da média e ilustrações (bem psicodélicas).

A imagem pode conter: listras

Conteúdo: dedicatória; sumário; pensamento; e, sessenta e três poemas com título em negrito.
Ilustrações: Public doman.

A imagem pode conter: listras


Diagramação e projeto gráfico: Camila Mattos (Los Caso – Agência de Publicidade).

Nenhuma descrição de foto disponível.


NOTA: 4,50 de 5,00

- ESCRITA:

A escrita é livre, sem rimas e com alguma sonoridade na leitura dos poemas.
A linguagem é simples, de fácil entendimento, com raciocínio voltado para acontecimentos dos anos 60 e muitos termos em inglês.
Não há que se falar sobre erros.
Revisão: da autora.

NOTA: 4,70  DE 5,00

CITAÇÃO:

“Paramos um instante
E reparamos na rapidez dos carros
Que vão das rodovias às cidades, sem parar...” (pág. 59 – 4ª RODOVIA DA SEMANA DO TEMPO)

“Então, você poderá entender que só se é jovem de verdade
Quando se mergulha como um peixe, dentro do arco-íris multicor
Da liberdade!...” (pág. 60 – FICHTE CABEÇA DE LARANJA VERDE)

SINOPSE:

Foto


CITAÇÃO:

“ESTRELA DE CINCO PONTAS

Flos- liberdade,
Sexo – razão.

Começar de novo!...” (pág. 70)

“Vi hoje dentro do olho do sonho
Um quarto feito de bolo de chocolate
Com imensas poltronas de chantilly...” (PÁG. 73 – MOBÍLIA DO CORAÇÃO PSICODÉLICO)

“Querido, pegue teu amor e tinja nossos momentos de cor!
Tente fazer isso, tente ser assim! “ (PÁG. 81 – 1, 6, 1000, 100 PICASSO-MONO)

RESUMO SINÓPTICO:

A sinopse já diz o que encontraremos no livro, sem necessidade de resumo.


ANÁLISE CRÍTICA E DO AUTOR(es):

Todos sabem o quanto gosto de poesias e ver um livro que aborda a realidade dos anos 60, década do meu nascimento, fiquei extasiada e havida pela leitura.
Quem nunca ouviu falar da geração paz e amor? Movimento criado nos anos 60, onde havia muito sexo, drogas e rock’roll. Claro que houve muito mais nessa época, como as guerras, ufologia, música, e muitos outros fatos.
O livro faz referência sobre um pouco disso tudo através da visão das autoras com poemas fortes e alguns incidentais.
O efeito das drogas são declamados em vários poemas, mas não como algo pernicioso, porque realmente naquela época, não o era.
Os temas são abordados quase de forma lúdica, mostrando o quanto aquela época foi boa e fez bem em alguns lugares, em outros, já nem tanto.
Senti falta de fatos e acontecimentos ligados ao Brasil.
O livro é extremamente interessante para quem quer conhecer um pouco sobre os anos 60 através dos olhos das autoras e muito sentimento nas entrelinhas.
Recomendo!

NOTA : 4,20 DE 5,00

Resultado de imagem para ILUSTRAÇÕES DE EMOJISResultado de imagem para ILUSTRAÇÕES DE EMOJISResultado de imagem para ILUSTRAÇÕES DE EMOJIS