23/04/2017

RESENHA #25 - “A GANSA SOLITÁRIA” – (LITERATURA NACIONAL) - LUCINHA LIMA



LIVRO: “A GANSA SOLITÁRIA” – (LITERATURA NACIONAL)

 AUTORA: LUCINHA LIMA

EDITORA: FAPI

PÁGINAS – 30

1ª  EDIÇÃO 2014

CATEGORIA: LITERATURA BRASILEIRA

ASSUNTO: INFANTIL

ISBN: - 978-85-917775-0-1




ANÁLISE TÉCNICA:



-CAPA-

Uma gansa violeta se banhando em um lago com floresta ao fundo em forma de desenho.

Feita por Leonardo Miranda Lopes.

(nota: 5,00 de 5,00)



-DIAGRAMAÇÃO:

 A imagem pode conter: atividades ao ar livre

O livro é intercalada entre a escrita e as ilustrações.

Tudo muito colorido e as folhas são tipo acetinadas, muito lindas.

 A imagem pode conter: atividades ao ar livre

Diagramação: Davidson Assaf Franco Rotéa.

As ilustrações são bem feitas e condizem com os trechos do livro.

 Nenhum texto alternativo automático disponível.


Ilustrações feitas por Guilherme Sette.

Editoração: Lucilete de Lima.

 A imagem pode conter: atividades ao ar livre


(nota: 5,00 de 5,00 )



- ESCRITA:

É em terceira pessoa desconhecida e de forma acessível para o entendimento das crianças.

Na maioria dos trechos as falas são rimadas.

Revisão ortográfica: Zoraida Quiroga e Sandra Hasmann.

(nota: 5,00  de 5,00)



CITAÇÃO:” Amai-vos uns aos outros sem distinção de raça, cor ou situação financeira, porque, aos olhos de Deus, somos todos iguais”.



RESUMO SINÓPTICO:


Dona Gansa tinha uma cor diferente e foi expulsa do grupo da ‘gansarada’. Vivia solitária, chorando e afastada, não tinha amigos.

A fada da Floresta ficava triste por Dona Gansa, mas não poderia ajuda-la enquanto ela mantivesse essa postura de tristeza. Era preciso que Dona Gansa tomasse uma atitude.

Cansada de tanta tristeza Dona Gansa um dia resolveu parar de chorar e pedir ajuda a Fada da Floresta que a presenteou com o maior desejo de Dona Gansa: um ovo!

Dona Gansa ficou toda pomposa, chocando seu ovo, até o dia que nasceu Júdi, um lindo ganso amarelo que trouxe alegria de viver para Dona Gansa, ela agora transbordava de felicidade e se sentia amada. Porém o melhor ainda estava por vir...


ANÁLISE CRÍTICA E DO AUTORA:


Quem acompanha o blog sabe que amo literatura infantil por dois fatos: primeiro porque os enredos sempre trazem alguma lição de vida e depois porque essa lição vem de forma bem lúdica, trazendo o entendimento de fácil assimilação.

A autora tem uma sensibilidade incrível. Mostra através da história contada de forma ritmada e lúdica o quanto ser diferente e excluída, torna a vida de alguém triste e isolada. E como precisamos da ajuda nesses momentos difíceis, além de precisarmos tomar iniciativa e mudar nossa postura.

Outra lição bem importante é o quanto a felicidade contagia. Depois que ganhou o presente da fada, Dona Gansa mudou totalmente seu comportamento, contagiando os outros gansos que a excluíram antes, voltassem a se aproximar e pedir perdão à ela. Tão emocionante!
É aquele livro que faz bem para o coração e para alma!

Fiquei bem sensibilizada com essa linda história e recomendo para todos!



NOTA : 5,00 de 5,00





 Vejam o vídeo do livro, comentem e compartilhem: 







SOBRE O AUTORA:


 A imagem pode conter: 1 pessoa, close-up

Lucinha Lima ganhou em 2012 o Prêmio Literatura Infantil 2012: categoria

Melhores livros infantis - “Lili a formiguinha Rebelde”.

Foi homenageada no IBB - Instituto Biográfico do Brasil e Academia Brasileira de Arte, Cultura e História de São Paulo /SP: “Prêmio Destaque Cultural 2012”.

Prêmio Luso-brasileiro de Poesias: melhores poetas de 2013 – RJ/RJ.

Premiada no Primeiro Festival de Contos do Rio de Janeiro, com o conto “ A mão negra” e o ET de Varginha.

Recebeu o “Oscar de Ouro dos Vencedores” da OHPCB , na Assembleia Legislativa de São Paulo.

Acadêmica correspondente da ALAF – Academia de Letras e Artes de Fortaleza-CE

Comendadora da ABD Associação Brasileira de Artes Desenho e Letras.

Acadêmica Correspondente da ALAB – Academia Letras e Artes de Búzios.

Recebeu MOÇÃO na Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro.

Troféu SACI- Semana de Artes e Cultura Internacional - Búzios /RJ.

Como colunista do Jornal Sem Fronteiras recebeu: Prêmio Excelência Cultural em Veneza Itália.

Certificado da Polícia Militar de Minas Gerais, pela colaboração na Mostra de Artes Plásticas da  PMMG /2015.

Acadêmica Titular, Comendadora e Assessora da Diretoria de Eventos Externos da ABRAMMIL- Academia Brasileira de Medalhística Militar. RJ/RJ

A escritora tem vários trabalhos publicados em espanhol, italiano, português e inglês, por sua participação em diversas antologias, tendo percorrido a Europa para a divulgação de seus livros infantis e sua participação em várias Antologias.


 EXEMPLAR CEDIDO PELA AUTORA.



cheirinhos


Rudy





8 comentários:

  1. Olá,
    Parece aquelas fabulas que tem sempre uma reflexão no fim da historia, super linda o livro..me lembro muito o livro o Patinho Feio...

    ResponderExcluir
  2. Parece ser lindo o livro, com bons ensinamentos e ensina as crianças, e até os adultos a refletirem, além de trazer lindas ilustrações!
    Adorei-as.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Acho histórias infantis tão lindas.
    Eu tenho uns livros e tbm leio uns pros meus meninos da escolinha.

    ResponderExcluir
  4. Eu também adoro literatura infantil e juvenil. Minha sobrinha de 6 anos também, sempre presenteio com livros, mesmo sem data sem ser nenhuma data especial. Esse livro parece encantador.

    *☆* Atraentemente *☆*

    ResponderExcluir
  5. Adorei o livro, parece ser bem lindinho, com certeza já vou adquirir ele e dar de presente para minha priminha, que mesmo com 5 anos já adora ler.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Que linda historia, adoro livro infantis porque no final tem sempre uma lição que podemos levar para nossa vida, e não diferente desse, que fala sobre amizade

    ResponderExcluir
  7. Parece ser muito fofo! Vou colocar na lista de livros pra comprar pra minha priminha, acho que ela vai curtir demais! Beijos de luz!
    Fabricando Sonhos

    ResponderExcluir
  8. Achei muito fofo o livro, eu tinha visto o videozinho dele.
    Ele é bem educativo, ainda mais nesse mundo em que existem muitas pessoas sendo excluídas e o livro mostra as crianças que essas pessoas precisam ser ajudadas.

    ResponderExcluir

Adoro ler seus comentários, portanto falem o que pensam sem ofensas e assim que puder, retribuirei a visita e/ou responderei aqui seu comentário.
Obrigada!!
cheirinhos
Rudy